OS 5 TIBETANOS: SEGREDOS DE VITALIDADE

(3)

Os 5 tibetanos provêm dos mosteiros isolados dos Himalaias. Mantidos em segredo até à década de 1930, foram revelados ao mundo ocidental por Peter Kelder. Aumentam a energia vital e regularizam o seu nível sobre todos os chacras (centros de energia do corpo). Também ajudam a manter um corpo flexível e forte. Dizem que esta série de exercícios é uma prática de longevidade. Trata-se de um ritual de ioga a seguir sem demoras para manter a juventude e vitalidade!

 

Todos os dias, dispense alguns minutos para repetir estes 5 tibetanos. Para encontrar uma boa energia, os exercícios de ioga podem ser realizados de manhã ou à noite (ou os dois). Além disso, é preferível fazer estes ritos três vezes, cada um na primeira semana e, em seguida, cinco vezes durante a segunda semana e assim por diante durante as semanas seguintes, até vinte e uma vezes por dia, com exceção do primeiro rito que se fará um indeterminado número de vezes até ao aparecimento da sensação de tontura. Recomendamos que se exercite com os pés descalços, num tapete de ioga.

 

Para realizar esta ginástica energética, fique atento: pela manhã, ao acordar, os músculos estão frios, é necessário executar cada movimento sem forçar. Se sentir qualquer dor, pare. Marca um tempo de pausa entre cada exercício para uma melhor tomada de consciência. Por fim, limite as amplitudes de cada movimento e avance gradualmente, sem pressa.

 

Primeiro tibetano

conseils-yoga-exercice-les-5-tibetains-1

  • Objetivo: relançar a energia e reforçar o campo magnético pessoal.

 

  • Execução do exercício: de pé, coloque os braços cruzados. As palmas das mãos ficam voltadas para o chão. Em seguida, rode sobre si mesmo, no sentido dos ponteiros de um relógio. Para facilitar a rotação, rode sobre o pé direito que permanece no chão e dê o impulso com o pé esquerdo.No final das voltas, volte a colocar os dois pés afastados à largura dos ombros, bem planos sobre o chão. Junte as mãos, como para “rezar” e, em seguida, feche os olhos para visualizar o seu campo magnético em pleno andamento. Aguarde alguns momentos até que a tontura passe.

 

  • Respiração: respire naturalmente.

 

  • Instruções de segurança: pare de rodar em caso de vertigens.

 

  • Repetições: comece por realizar algumas voltas, 6 para começar. Quando o seu corpo estiver habituado, suba até 12 voltas.

 

Segundo tibetano

conseils-yoga-exercice-les-5-tibetains-2

  • Objetivo: fortalecer os abdominais e o pescoço, estimular o centro energético do plexo solar e tonificar o pâncreas e a tiroide.

 

  • Execução do exercício: deite-se de costas e posicione os braços ao longo do corpo. Em seguida, levante simultaneamente a cabeça e as pernas esticadas até à vertical. Volte a baixar lentamente a cabeça e as pernas esticadas.

 

  • Instruções de segurança: Nos primeiros 15 dias, realize o exercício com os joelhos fletidos para proteger as costas ao máximo. Pense sistematicamente em recolher bem o queixo ao elevar a cabeça. Mantenha a parte inferior das costas em contacto com o solo para proteger as zonas lombares. Caso sofra de problemas de costas, faça o mesmo exercício com as pernas dobradas.

 

  • Respiração: expire levantando as pernas, inspire baixando-as.

 

  • Repetição: 6.

 

Terceiro tibetano

conseils-yoga-exercice-les-5-tibetains-3

  • Objetivo: alongar os flexores das ancas, a cinta abdominal e o pescoço. A energia do plexo solar é conduzida para o coração, ela tonifica o timo, a tiroide e as suprarrenais.

 

  • Execução do exercício: posicione-se de joelhos, coloque os braços ao longo das coxas. Em seguida, incline o busto para a frente, para que a nuca fique alongada e o queixo fique apoiado sobre o peito. Depois, levante a cabeça e estique o busto tanto quanto possível para trás.

 

  • Respiração: expire lentamente inclinando a cabeça para a frente, inspire profundamente pendendo para trás.

 

  • Instruções de segurança: contraia os glúteos, recolha a barriga para colocar corretamente a bacia e proteger as suas zonas lombares. As coxas estão estendidas. Abra o peito, a região torácica.

 

  • Repetição: 6.

 

Quarto tibetano

conseils-yoga-exercice-les-5-tibetains-4

  • Objetivo: Reforçar os ombros, a parte inferior das costas e as nádegas. Estimular o baixo-ventre, o pescoço e os joelhos.

 

  • Execução do exercício: sente-se no chão, pernas esticadas, os pés ficam afastados à largura da bacia. Coloque as mãos em plano sobre o chão, de cada lado da bacia. Inspire profundamente, em seguida, abra o peito para a frente e levante a bacia ao máximo para formar um ângulo reto com os joelhos. Deixe a cabeça ir para trás tanto quanto possível. Regresse à posição inicial.

 

  • Respiração: inspire levantando a bacia, expire ao regressar à posição sentada.

 

  • Instruções de segurança: para proteger as suas articulações, apoie-se bem sobre o chão com as mãos, cerrando os pulsos, os braços e os ombros. No final da expiração, recolha o queixo na direção do peito.

 

  • Repetições: 6.

 

Quinto tibetano

conseils-yoga-exercice-les-5-tibetains-5

  • Objetivo: relaxar e acalmar a mente, alongar o corpo e especialmente as costas, fortalecer os braços, os ombros e relaxar a parte de trás das pernas.

 

  • Execução do exercício: posicione-se de gatas. As mãos são colocadas em plano (os dedos ficam abertos) bem paralelos, em linha com os ombros. Os pés ficam afastados à largura da bacia, em alinhamento com as mãos. Coloque-se na ponta dos dedos dos pés e, então, lentamente levante a sua bacia para cima esticando os braços e as pernas. Os ísquios sobem em direção ao céu. Com as suas mãos, dê pequenos passos para a frente para esticar pouco a pouco a coluna vertebral. Os pés devem ser pousados de forma plana sobre o chão. A cabeça mantém-se para baixo.

 

  • Respiração: adote uma respiração calma e profunda.

 

  • Instruções de segurança: rode bem os ombros para fora para libertar o espaço entre as omoplatas. O antebraço afasta-se assim do chão e, naturalmente, a coluna encontra uma posição neutra. Recolha as costelas inferiores durante todo o período do exercício.

 

  • Repetição: 6. Se é iniciante na prática, mantenha-se apenas 30 ou 40 segundos na postura. Para aqueles que conseguem permanecer na posição, observe então o relaxamento da massa abdominal sobre o diafragma, o relaxamento da língua...
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Vote
YOGA
conseils-yoga-exercice-exercices-videos-nattes-yoga

Descubra o Tapete de Ioga da Domyos, o acessório indispensável para a prática de Ioga, para praticar com total segurança.

(2)
VOLTAR PARA O TOPO